Ingressos para entrar em Veneza? Entenda o plano

Já pensou em ter que pagar ingresso para visitar uma cidade? É o que deverá acontecer em Veneza a partir do verão de 2022. A medida é um plano comentado há anos, mas que foi apresentado no dia 11 de julho deste ano.

O objetivo da cobrança de ingressos é diminuir a quantidade de visitantes diários na cidade. E realmente, são muitas pessoas todos os dias… De acordo com uma matéria do jornal O Globo, em períodos fora da pandemia, são aproximadamente 20 milhões de visitantes por ano.

Por experiência própria, foi um dos lugares mais lotados que já fui na vida. Em 2016, tive a oportunidade de conhecer um pouco da Itália e Veneza esteve no roteiro. A viagem foi em pleno verão e sempre me lembro do calor (a Bahia parecia fresca perto da sensação térmica, rs) e da quantidade de gente, que lotava cada uma das ruas.

Uma matéria do UOL explica que a ideia do prefeito de Veneza, Luigi Brugnaro, é tentar assegurar a manutenção da beleza da cidade histórica por meio da instalação de catracas, que poderão ser abertas por meio de um aplicativo. A taxa deverá custar até oito euros para turistas que não passarem a noite no centro histórico.

Conheça mais sobre a Itália:

Piu bella: uma fotorreportagem sobre Veneza
Roma, para onde vão todos os caminhos
Torres de Bolonha, próximas do céu

Os viajantes que ficarem mais dias em Veneza terão acesso a uma senha de desbloqueio das catracas, que ficará disponível durante o período da estadia – isso por que uma taxa diária de um a cinco euros já é cobrada. Assim como eles, os moradores também não pagarão para entrar na cidade mas, neste caso, terão uma senha fixa.

Os valores são de três euros, em dias comuns, seis euros, em dias de “fluxo crítico” e oito euros nos dias de maior pico de pessoas, considerados de “fluxo crítico excepcional”. Até o lançamento da nova medida, os valores podem ser alterados, mas a previsão é que se mantenham. O calendário com os custos de ingressos respectivos a cada dia será lançado com antecedência pela prefeitura de Veneza.

Diferente, né? Não consegui criar uma opinião sobre a medida… Apesar de não gostar da ideia de ter mais um gasto, entendo que talvez seja uma forma de prevenir a deterioração da cidade. O que você achou?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s